Dicas

Alimentos low carb: por que consumi-los?

alimentos com baixo indice de carboidratos como carnes e peixes, aves e abacate.

Você já ouviu falar nos alimentos low carb? A dieta baseada em seus componentes foi, inicialmente, definida por meio da Organização de Diabetes do Reino Unido, levando em consideração uma redução expressiva do consumo de carboidratos, permitindo que as gorduras boas e proteínas sejam bem aproveitadas pelo organismo.

A dieta é muito conhecida pelo seu alto índice de eficiência para a perda de peso, principalmente porque o nosso organismo começa a funcionar de maneira proveitosa. Além disso, por meio dela, também é possível reduzir inflamações no organismo e combater o alto índice de retenção de líquidos.

Afinal, o que é a dieta low carb?

Os alimentos low carb podem ser mais comuns em nosso cotidiano do que podemos imaginar. É por isso que a dieta low carb se define como a remoção de fontes calóricas em abundância de nossos pratos ao longo das refeições. Por meio dessa ação, é possível favorecer o emagrecimento e, consequentemente, melhorar a absorção de nutrientes pelo organismo.

De uma forma geral, esse tipo de alimentação pode ser resumido por uma diminuição no consumo de açúcares, fazendo com que os nutrientes que fornecem energia ao corpo sejam substituídos por outros, trazendo não apenas uma maior sensação de bem-estar, mas também a perda de peso.

Com os alimentos low carb, é possível ressaltar que uma dieta convencional corresponde a cerca de 50% a 55% de carboidratos ingeridos ao longo do dia. Ainda que essa restrição alimentar não ofereça uma porcentagem específica de redução, qualquer controle já pode se mostrar bastante positivo na perda de peso.

Para aquelas pessoas que estão buscando não apenas emagrecer, mas também sentir efeitos positivos em seu dia a dia, como disposição, esse tipo de dieta é extremamente recomendada. Ainda assim, busque um profissional da área para orientar acerca de como fazê-la adequadamente.

Como funciona o consumo de alimentos low carb?

Assim como mencionado anteriormente, é possível que uma dieta convencional possa vir a apresentar entre 50% e 55% de presença nos pratos ao longo da refeição. No entanto, quando os alimentos low carb começam a ser introduzidos, para substituir o alto índice de carboidratos, as mudanças começam a surgir positivamente.

É comum dizer que uma dieta low carb apresenta, mais ou menos, 40% da redução de carboidratos no prato de quem segue essas dicas. O ideal é priorizar comidas integrais, promovendo uma redução de refinados para entregar maior disposição e, também, uma perda de peso evidente.

Com os alimentos low carb, é possível reduzir potencialmente o consumo de refinados, fazendo com que toda a energia proporcionada pela glicose seja dispersada e, consequentemente, não acabe se transformando em células de gordura. Por não possuírem uma quantidade elevada de fibras, os refinados acabam por proporcionar o ganho de peso.

Ao seguir a dieta, o ideal é que o consumo passe a ser voltado para as carnes magras, além de proteínas vegetais e boas fontes de gordura. A redução de gorduras saturadas também é um diferencial para perder peso e ter mais qualidade de vida.

Consumir alimentos low carb é seguro?

Sim, o consumo de alimentos low carb é completamente seguro. No entanto, é necessário que a introdução da dieta seja repassada por um profissional da área, que poderá ofertar todas as recomendações necessárias para o seu tipo físico, levando em consideração a rotina, peso e altura.

Com uma mudança radical na sua rotina de alimentação, é possível fazer um monitoramento dos níveis de gordura presentes no corpo. Para aquelas pessoas que são diabéticas, é sempre importante ir ao médico para verificar a necessidade de reajuste da aplicação da insulina para não acabar passando por maus momentos.

Consultar um nutricionista antes de começar a ingerir alimentos low carb é a escolha mais sensata a se fazer. Isso porque pacientes diabéticos podem acabar passando por um processo de acidose metabólica caso decidam fazer a dieta por contra própria, o que se mostra extremamente prejudicial.

Isso quer dizer que há a possibilidade de haver uma alteração no metabolismo, que tem origem no excesso da presença de corpos cetônicos. Esse produto queima a gordura utilizada pelo corpo quando ele precisa fabricar carboidratos. Caso o paciente chegue nesse quadro, deverá ser visto como emergência médica.

A dieta low carb realmente emagrece?

Sim, consumir alimentos low carb dentro da dieta realmente possibilita o emagrecimento. Isso porque, ao reduzir a quantidade de consumo de carboidratos, optando por opções integrais, aumenta as chances de que a gordura acabe se acumulando no corpo e, consequentemente, reduz a sobra de macronutrientes prejudiciais.

A dieta também se mostra uma ótima alternativa para aquelas pessoas que precisam controlar o índice de açúcar no sangue. No entanto, assim como já mencionado, é necessário que haja um acompanhamento profissional para que os efeitos colaterais, a longo prazo, não venham a se tornar grandes prejuízos ao organismo.

Por meio da redução de carboidratos na dieta, e a introdução de alimentos low carb, é possível fazer com que o corpo precise utilizar a gordura como principal fonte de energia para atividades cotidianas. Assim, o processo não apenas promoverá uma redução de tecido adiposo como diminuirá o apetite ao longo do dia.

Uma boa combinação de alimentos fará com que a perda de peso seja vista, no corpo, de maneira muito rápida. Além disso, essa velocidade na entrega de resultados pode acabar servindo de estímulo para que haja, definitivamente, uma redução de peso e um aumento na satisfação.

Alimentos low carb: quais os melhores?

Agora que você já sabe um pouco mais sobre os alimentos low carb e como eles são capazes de gerar muito mais saúde, bem-estar e perda de peso para o corpo, que tal descobrir quais são os melhores para incluir na sua dieta? Em apenas algumas semanas, os resultados serão altamente satisfatórios!

Confira, abaixo, a lista com os que trazem mais benefícios!

Vegetais

Dentro da lista de alimentos low carb, os vegetais acabam ficando em primeiro lugar, principalmente porque, em sua maioria, eles conseguem entregar uma maior sensação de saciedade e, consequentemente, reduzem o consumo de alimentos altamente calóricos por entre as refeições.

Além disso, ao consumir vegetais, você poderá ter uma alimentação muito mais natural e livre de efeitos colaterais causados pelas comidas industrializadas. Dentre os melhores vegetais estão:

  • Folhas;
  • Tomate;
  • Abobrinha;
  • Berinjela;
  • Couve-flor;
  • Palmito;
  • Brócolis.

Castanhas

Por falar em alimentos low carb, que tal começar a escolher alguns que sejam verdadeiramente deliciosos? As castanhas estão na lista mais procurada para quem deseja perder peso e não é para menos, já que se mostra um lanchinho prático e com um alto impacto glicêmico.

O ideal é começar a consumir as versões sem sal. Se desejar incrementar com um sabor para deixar as coisas ainda mais deliciosas, é possível assá-las com alguns fios de óleo de coco e alguns temperos naturais. Além disso, também há a possibilidade de acrescentar canela ou xilitol para deixar tudo docinho.

Azeite de oliva extravirgem

Todas concordamos que o azeite de oliva extravirgem é um dos alimentos low carb que mais nos deixa instigadas a comer, não é mesmo? Por meio desse tempero sensacional, acabamos permitindo que as saladas e as carnes magras fiquem muito mais macias e suculentas na hora das refeições.

Este ingrediente mais do que especial atua como fonte de vitamina A e E, além de ser extremamente positivo para o fortalecimento da pele e dos nossos cabelos. No entanto, é sempre bom buscar uma marca de extrema confiança para evitar possíveis oxidações ou algum mal estar.

Coco e seus derivados

O coco é considerado um dos melhores ingredientes dentro da lista de alimentos low carb, podendo ser inserido nas mais diversas receitas como, por exemplo, na água de coco, na moqueca e em comidas misturadas com milho. Além disso, também pode ser consumido em leite, óleo, lascas, ralado e, até mesmo, desidratado.

O coco é muito prestigiado por ser rico em gorduras capazes de proporcionar saciedade, além de ser extremamente rico em fibras. Ele também se mostra uma ótima fonte de ácido láurico, que é uma substância conhecida por afugentar fungos e vírus que venham a atrapalhar a nossa saúde.

Proteínas também são alimentos low carb

Os alimentos low carb só ficariam completos se falássemos sobre as proteínas, tão desejas e consumidas principalmente na hora do almoço. Aquelas consideradas boas são de extrema importância para renovar os tecidos, melhorar a saúde da pele e entregar novos contrastes para as unhas e para os cabelos.

Para quem quer seguir uma boa dieta, sem escorregar em nenhum momento, o mais recomendado é apostar em:

  • Ovos;
  • Frango;
  • Peixe;
  • Queijos;
  • Feijão;
  • Quinoa;
  • Grão-de-bico;
  • Lentilha;
  • Vegetais verde-escuros;
  • Sementes;

Para quem gosta de ter uma refeição completa, essa lista de alimentos low carb, enquadradas nas proteínas, pode ser uma ótima opção. Além disso, se misturado com o azeite de oliva extravirgem, o sabor pode ficar ainda melhor e mais acentuado para uma alimentação balanceada e de lamber os beiços.

 

Gostou deste conteúdo? Compartilhe e continue lendo os artigos da Adriana Maria Mota.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *